Mostra SP – Ranking geral

Foi
uma Mostra Internacional de São Paulo corrida, instável, apartada por outros
compromissos, mas sempre muito intensa, tanto pelos filmes numa programação
gigantesca, quanto pelo espírito de uma maratona que nos oferece tantas
possibilidades. E há, claro, os bons encontros e conversas, os amigos que só vemos
nessas condições de correria em meio ao mar de filmes. Abaixo, meu ranking
deste ano:

Leviatã (Andrey Zvyagintsev,
Rússia) ****
O Segredo das
Águas

(Naomi Kawase, Japão) ****
Força Maior (Ruben Östlund,
Suécia/Dinamarca/Noruega) ****
Relatos
Selvagens

(Damián Szifrón, Argentina/Espanha) ****
Foxcatcher – Uma
História que Chocou o Mundo
(Bennett Miller, EUA) ****
Um Pombo Pousou
num Galho Refletindo Sobre a Existência
(Roy Andersson, Suécia/ Alemanha/Noruega/França)
***½
Winter Sleep (Nuri Bilge
Ceylan, Turquia/Alemanha/França) ***½
Jack (Edward Berger,
Alemanha) ***½
A Pequena Casa (Yôji Yamada,
Japão) ***½
Ciências
Naturais

(Matías Lucchesi, Argentina/França) ***½
A Moça e os
Médicos

(Axelle Ropert, França) ***
Dois Dias, Uma
Noite

(Jean-Pierre Dardenne e Luc Dardenne, Bélgica/França/Itália) ***
Por las Plumas (Neto Villalobos,
Costa Rica) ***
O Pequeno
Quinquin

(Bruno Dumont, França) ***
As Maravilhas (Alice Rohrwacher,
Itália/Suíça/Alemanha) ***
Alentejo,
Alentejo

(Sérgio Tréfaut, Portugal) ***
Desvio (Duane Hopkins,
Reino Unido) **½
A Gangue (Myroslav Slaboshpytskiy,
Ucrânia) **½
Permanência (Leonardo
Lacca, Brasil) **½
Juana aos 12 (Martín Shanly,
Argentina/Áustria) **½
De Armas e
Bagagens

(Ana Delgado Martins, Portugal/Angola) **½
Uma Casa em
Berlim

(Cynthia Beatt, Alemanha/Reino Unido) **
Detetive D: O
Dragão do Mar

(Tsui Hark, China) **
Rhino Season (Bahman Ghobadi,
Irã/Iraque/Turquia)
A Mala do Amor e
da Vergonha

(Jane Gillooly, EUA) **
Quando os
Animais Sonham

(Jonas Alexander Arnby, Dinamarca) **
Non Fiction
Diary

(Jung Yoon-Suk, Coreia do Sul) *½
Filha (Afia Nathaniel,
Paquistão) *½
Hors Concours:

 
A Liberdade é
Azul

(Krzysztof Kieslowski, França/Polônia/Suíça) *****
A Fraternidade é
Vermelha

(Krzysztof Kieslowski, França/Polônia/ Suíça) ****½
A Noite de São Lourenço
(Paolo Taviani e Vittorio Taviani, Itália) ****½

1 thought on “Mostra SP – Ranking geral

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Arquivos